No Mundo

A tecnologia fotovoltaica (FV) conquistou seu espaço a tal ponto que a capacidade total instalada desse tipo de energia no mundo superou os 139 GW em 2013. O valor seria suficiente para produzir pelo menos 160 TWh de eletricidade por ano, índice equivalente ao consumo energético de 45 milhões de casas europeias.

Metade dessa capacidade foi instalada nos últimos dois anos e 98% a partir de 2004. Segundo o Relatório Estado Global das Renováveis 2014, produzido pela REN 21, o mercado fotovoltaico alcançou um recorde em 2013, com a entrada em operação de 39 GW. Estudo feito pela Associação de Indústrias Fotovoltaicas Europeias (EPIA, na sigla em inglês) aponta que, nos dois anos anteriores, as instalações não ultrapassavam os 30 GW.

China, Japão e Estados Unidos foram os líderes em instalações. A grande novidade do ano foi a Ásia, que passou a Europa no quesito. O continente europeu estava na liderança no setor em toda a última década. Mesmo assim, segundo a REN 21, países europeus ainda são líderes quando se fala em capacidade instalada, sendo que Alemanha, Itália, Bélgica e República Tcheca estão na frente nesse quesito. Além disso, de acordo com o relatório da EPIA, na Europa, 3% da demanda por eletricidade é abastecida por fonte solar.

A Ásia foi responsável por 22,7 GW das instalações, enquanto 16,7 GW foram instalados no restante do mundo. A maior parte das instalações fora do continente asiático foi feita na União Europeia e América do Norte, especialmente Estados Unidos.